sexta-feira, 29 de junho de 2012

10 Filmes sobre Seitas



Desde que o mundo é mundo, a religião mexe com a cabeça dos homens.
No cristianismo, as reformas protestantes no século 16 permitiram novas leituras da bíblia que, como uma obra aberta, pode ser lida segundo a conveniência de cada um.
A cada interpretação surgem novos líderes dizendo-se donos da verdade, muitas vezes em benefício próprio. 
Disso surgem seitas conservadoras ou exóticas, seguidas cegamente por um séquito de pessoas carentes de direção, abertas a terem seus cérebros lavados e reprogramados.
São vários os filmes que tangem o tema, alguns deles estão nesta lista de 10.


1.  Um Bilhete para o Céu (Nick Mancuso é um jovem professor de Toronto que, após romper com a namorada, aceita o convite para visitar um acampamento em San Francisco. lá todos são muito gentis, mas ele logo percebe que se trata de um culto religioso. aos poucos é cooptado a arrecadar dinheiro e novos membros para o grupo. ele precisará da ajuda dos amigos para ser resgatado e voltar a pensar por si. ótimo filme canadense de 1981)


2.  Fogo Sagrado (Kate Winslet é uma jovem que vive com a família numa cidadezinha da Austrália, mas acha que falta algo em sua vida. viaja à Índia em busca de auto-conhecimento, mas acaba se envolvendo com uma seita fanática liderada por um exótico guru. sua família fica alarmada e consegue levá-la de volta para casa, onde um especialista americano - Harvey Keitel -tentará reverter sua lavagem cerebral. bom filme de Jane Campion de 1999)


3.  Love Exposure (divertido e curioso romance teen japonês com quatro horas de duração e ritmo de mangá. conta a história de um rapaz, cuja mãe católica antes de sua morte prematura, pede que ele ache a sua "Virgem Maria" para se casar e a encontra numa bela menina abusada na infância. o pai dele tornou-se padre, mas envolve-se com uma mãe da mesma garota. os três acabam sequestrados por uma seita chamada Zero, que se dedica a arrecadar dinheiro para seu líder e o rapaz tentará salvá-los. difícil de resumir... dirigido pelo ótimo Sion Sono)


4.  Red State (três amigos buscam uma aventura sexual radical e marcam um encontro com uma mulher num trailer, mas não percebem que era uma armadilha preparada por um grupo de fundamentalistas radicais que os sequestram e aprisionam em seu templo. a polícia tenta intervir, mas os fanáticos respondem com violência. o título faz referência aos estados americanos que votam no partido republicano. dirigido por Kevin Smith. bom tema, mas resultado confuso)


5.  O Homem de Palha (um policial cristão vai a uma ilha investigar o desaparecimento de uma jovem. lá depara-se com estranhos costumes pagãos dos moradores e descobre que uma seita baseada nas tradições celtas estaria por trás do desaparecimento da moça. excelente terror britânico de 1973 que merece ser conhecido)


6.  Jim Jones (Powers Boothe ganhou o Emmy por esta correta minissérie, que conta a história do pastor americano, auto-proclamado profeta, que criou Jonestown, uma comunidade na Guiana, composta de cerca de mil pessoas. em 17/11/78, movido por denúncias de que pessoas estariam lá contra a vontade, um congressista americano fez uma visita oficial para investigar o caso. quando retornava ao aeroporto, em companhia de alguns desertores, foi emboscado e morto. naquela mesma noite, Jones promoveu um suicídio coletivo de 918 pessoas, incluindo 270 crianças)


7.  Split Image (um jovem ginasta é atraído por uma bela garota para participar de uma comunidade de jovens comandada por um líder carismático - Peter Fonda. o rapaz se envolve no grupo cada vez mais no grupo e seus pais contratam um caçador de recompensas - James Woods - para sequestrá-lo e tentar reverter sua lavagem cerebral, com consequências traumáticas. ótimo filme de 1982, dirigido por Ted Kotcheff)


8.  Jesus Camp (bom documentário, indicado ao Oscar, mostrando o funcionamento de um acampamento de férias para crianças de famílias cristãs, onde elas são doutrinadas desde muito jovens por fundamentalistas, cujas ideias de intolerância com outras religiões ou estilos de vida têm cada vez mais peso na sociedade e na política americana) 


9.  Martha Marcy May Marlene (Elizabeth Olsen - irmã mais nova e talentosa das gêmeas famosas - é uma mulher que reaparece na vida da irmã, após uma temporada de abusos que sofreu participando de grupo de fanáticos, do qual escapou, mas os traumas ficaram. filme independente de 2011, premiado, com destacada interpretação de Olsen, mas cuja narrativa não linear só confunde e cansa com tantas idas e vindas)


10.  Waco, the Rules of Engagement (documentário investigativo sobre o incidente ocorrido em Waco, Texas em 1993. quando a polícia federal americana tentou cumprir um mandado de busca na sede de um grupo cristão "Davidiano", comandado pelo pastor David Koresh e foi repelido à bala, resultando num tiroteio com seis dos seguidores mortos. após o ocorrido foi feito um cerco por 51 dias, que culminou com 76 pessoas mortas, numa manobra mal explicada e aparentemente desastrada das forças da lei. no dia seguinte todas as evidências foram limpas e uma pequena capela construída no local)


Veja também: "10 Filmes no Zoológico"

quarta-feira, 27 de junho de 2012

10 Filmes para Mulheres



Não é bem uma categoria, é mais um direcionamento.
Muitos filmes são feitos para atingir prioritariamente o público feminino, são os chamados "chick flicks" ou "girly movies".
Não significa que os homens não podem ver, curtir e até se emocionar, mas o estúdio estava mesmo pensando nelas.
São muitos exemplos, que vou tentar reduzir a 10 e mais algumas menções honrosas. Estejam à vontade para sugerir mais títulos.


1.  Dirty Dancing, Ritmo Quente (em 1963, uma garota de 17 anos vai passar as férias com sua família num hotel. entediada ela ouve música vindo das dependências dos empregados, descobre uma festa muito mais animada e conhece um professor de dança bonitão - Patrick Swayze nos bons tempos. fez gerações de garotas suspirarem)


2.  Sex and the City (a série da HBO, criada por Sarah Jessica Parker durou seis temporadas e contava a história de quatro amigas íntimas e suas aventuras amorosas, profissionais e sexuais em Nova York. deu origem a dois longas divertidos. no primeiro, o tema é o favorito das mulheres: o casamento. para meninas pós-yuppies)


3.  Sissi (este clássico austríaco de 1955 é o primeiro da trilogia composta por 'Sissi, a Imperatriz' e 'Sissi e seu Destino'. estrelada pela jovem e bela Romy Schneider, fez parte dos sonhos das candidatas a cinderela daquela época. conta a história da jovem princesa da Baviera, que acompanha sua irmã mais velha na cerimônia em que esta será apresentada ao noivo, um jovem imperador. mas ele acaba se apaixonando mesmo por Sissie ela por ele... ai, ai...)


4.  Adoráveis Mulheres (durante a guerra civil americana, uma mãe e suas quatro filhas passam por inúmeras dificuldades, enquanto o pai está na guerra. tendo que virar-se sozinhas, elas crescem independentes e felizes. adaptação de 1994 do clássico da literatura americana, de Louisa May Alcott com um grande elenco)


5.  Nunca Fui Beijada (Drew Barrymore é a bem sucedida editora de um grande jornal, escalada pelo chefe para reviver seus pesadelos, infiltrando-se em sua velha escola secundária. apesar das dolorosas lembranças ela tem a chance de acertar as contas com o passado e finalmente ser beijada) 


6.  A Garota de Rosa-Shocking (mais conhecido como 'Pretty in Pink', é um dos clássicos de John Hughes. Molly Ringwald é uma garota pobre e fashion - cuidado, são os anos 80! -, que estuda numa escola de ricos e sonha ter um vestido especial para ir ao baile de formatura e arrumar um namorado milionário. tipo... oi? ah, a trilha sonora é épica)


7.  O Morro dos Ventos Uivantes (baseado no clássico da literatura inglesa de Emily Brontë, conta a história de um viajante que, durante uma tempestade, pede abrigo na casa de uma estranha família. na mesma noite ele pensa ter visto um fantasma e a criada resolve lhe contar a triste história daquela casa. a mãe de todas as novelas de rádio, mas um bom filme, com Laurence Olivier e grande elenco)


8.  Thelma e Louise (cansadas de suas vidinhas, duas amigas, uma garçonete e uma dona de casa - Susan Sarandon e Geena Davis - decidem jogar tudo para o alto e viajar juntas sem destino. no caminho se envolvem em várias confusões sempre envolvendo os malvados homens, um deles o jovem Brad Pitt no melhor de sua forma. dirigido por Ridley Scott, mas a estrela é o roteiro premiado da feminista Callie Khouri)


9.  Missão Madrinha de Casamento (uma garota desajeitada disputa o privilégio de ser madrinha de casamento de sua melhor amiga com a rica e esnobe nova amiga dela. acompanhada das damas de honra, ela obviamente vai fazer tudo errado. uma resposta feminina ao "dudes-flick" 'Se Beber não Case') 


10.  O Diário de Bridget Jones (Renée Zellweger é uma inglesa solteira de trinta e poucos anos que resolve escrever um diário, onde expõe com sinceridade suas qualidades, defeitos, a luta com a balança, as bebidas e os cigarros, procurando melhorar. em busca do homem perfeito, acaba sendo disputada por dois. simpático e divertido, teve uma continuação e deve ganhar mais uma)


Menções honrosas: todas as adaptações de Jane Austen, 'Tomates Verdes Fritos', 'Colcha de Retalhos', 'Crepúsculo', 'Encantada', 'Tarde Demais para Esquecer', 'Se Eu Fosse Minha Mãe', 'Sexta-Feira Muito Louca', 'O Diário da Princesa', 'Noivas em Guerra', 'Mamma Mia', 'Meninas Malvadas', Quatro Amigas e um Jeans Viajante', 'Gatinhas e Gatões', 'A Patricinha de Beverly Hills', 'Falando de Amor', 'Diário de uma Paixão', 'P.S. Eu te Amo', 'De Repente 30', 'A Proposta', '10 Coisas que Odeio em Você', 'Procura-se Susan Desesperadamente', 'Letra e Música', 'Romy e Michele', 'Flores de Aço', 'Casamento Grego', 'Nosso Amor de Ontem', 'Estranha Passageira', 'Imitação da Vida', 'Como Eliminar seu Chefe', 'Uma Equipe Muito Especial', 'De Repente é Amor',...


Veja ainda: "10 Filmes em Roma"



sexta-feira, 22 de junho de 2012

10 Filmes Iranianos


O Irã tem uma das mais destacadas cinematografias do mundo, várias vezes reconhecida com prêmios internacionais.
Um país de maioria muçulmana, mas que guarda mais semelhanças que diferenças com os países ocidentais.
Os verdadeiros astros do cinema iraniano são seus diretores. Alguns deles são reconhecidos como grandes mestres, mesmo fora do Irã.
Esta lista traz 10 bons exemplos de filmes daquele país.

1.  Gosto de Cereja (Abbas Kiarostami 1997. vencedor da Palma de Ouro em Cannes, conta a história de um homem que percorre uma pedreira na periferia de Teerã, em busca de alguém em quem ele possa confiar um trabalho muito especial. as montanhas de terra e pedras parecem representar seu próprio cérebro e suas angústias. uma obra-prima do cinema, realizada por um diretor que merece uma lista só dele, com obras como 'Close-Up', 'Através das Oliveiras', 'Onde Fica a Casa do Meu Amigo?' e vários outros. clique e veja uma lista sobre o diretor)

2.  A Separação (Asghar Farhadi 2011um retrato da Teerã atual, através da história de um casal que se separa, pois a mulher quer imigrar e o marido quer ficar cuidando de seu pai doente. quando a mulher sai de casa, ele contrata uma cuidadora, com quem terá conflitos que acabarão num tribunal. vencedor do Oscar de melhor filme estrangeiro e outros 54 prêmios. excelente e obrigatório)

3.  Filhos do Paraíso (Majid Majidi 1997. um menino humilde de 9 anos leva os sapatos de sua irmão para o reparo, mas os perde. por não terem recursos para comprar outro par, decidem esconder dos pais e professores, revezando o sapato do menino. até que surge uma competição de corrida na escola onde o terceiro prêmio é um par de tênis, o garoto treina e, para a sua decepção acaba tirando o primeiro lugar. singelo e comovente, um dos primeiros filmes iranianos a conquistar o mundo, sendo indicado ao Oscar)

4.  Tartarugas Podem Voar (Bahman Ghobadi 2004. dirigido pelo ótimo diretor curdo-iraniano, tem sua ação concentrada na fronteira entre Irã e Turquia, num assentamento curdo, massacrado pelos dois lados. lá vive um grupo de crianças órfãs mutiladas por minas terrestres e constantemente ameaçadas por ataques químicos. mas nenhuma delas age com auto-piedade, tentam sobreviver à dura realidade da melhor maneira. belíssimo filme, que deveria ser obrigatório para qualquer um que reclame de vida)

5.  Gabbeh (Mohsen Makhmalbaf 1996gabbeh é um tipo de tapete persa, de trama intrincada e composto de figuras que contam a história da tribo ou da região onde foi confeccionado. o filme conta, num formato de realismo fantástico, a história de uma moça, chamada Gabbeh, que foi impedida de casar-se com seu amado. é uma linda metáfora sobre os costumes e a posição da mulher na sociedade muçulmana)

6.  O Balão Branco (Jafar Panahi 1995. uma garotinha convence a mãe a lhe dar o pouco dinheiro que tem para comprar um peixe dourado gordo para as comemorações de ano novo.  no caminho ela perde o dinheiro, mas não desanima, deparando-se com a solidariedade e também com a indiferença de várias pessoas. um filme singelo e comovente, com roteiro que Abbas Kiarostami fez como presente ao seu assistente em 'Através das Oliveiras', Panahi. vencedor da Camera d'Or em Cannes, como melhor filme de um diretor estreante)

7.  A Maçã (Samira Makhmalbaf 1998duas gêmeas são presas em casa por seu velho pai superprotetor, até os 12 anos de idade, mal tendo aprendido a falar. até os vizinhos fazerem um abaixo assinado para que elas fossem libertadas. segundo o pai, ele segue o Corão. mas o verdadeiro motivo parece ser a mãe cega, que não quer que elas a deixem. fanatismo ou apenas egoísmo, uma bela estreia da jovem diretora Samira, filha do cineasta Mohsen Makhmalbaf, então com apenas 18 anos)

8.  Isto Não é um Filme (Mojtaba Mirtahmasb e Jafar Panahi 2011. documentário sobre a absurda condenação do cineasta Panahi a seis anos de reclusão e vinte anos sem poder fazer filmes, por ter apoiado o candidato opositor de Ahmadinejad na última eleição. o filme se passa na véspera do ano novo de 2010 e, ao longo do dia, isolado em seu apartamento em Teerã, ele conversa apenas por telefone com sua família, a advogada, o zelador do prédio e o diretor desta 'não-filme'. mesmo depois desse dia, Panahi teve sua pena mantida pelo tribunal, mas ainda cabe recurso)

9.  Marmoulak - O Lagarto (Kamal Tabrizi 2004. curiosa comédia de grande sucesso no Irã sobre um ladrão, conhecido por escalar paredes, que foge da prisão disfarçado de sacerdote. na tentativa de cruzar a fronteira, é confundido com o mullah designado para uma pequena comunidade. obrigado a pregar, ele acaba aceito, respeitado e, talvez, regenerado. divertido e diferente)

10.  Procurando Elly (Asghar Farhadi 2010. um grupo de casais vai passar o feriado na praia e entre eles um rapaz divorciado que acabou de voltar da Alemanha e uma desconhecida deles, que uma das mulheres quer apresentar. mas algo dá errado e a moça desaparece. a partir daí sua história começa a ser desvendada e todos começam a ficar mais preocupados com sua honra que com sua vida. outro excelente suspense de Farhadi, que domina essa estrutura com delicadeza ímpar) 


Veja ainda: "10 Filmes sobre Muçulmanos" e "10 Filmes de Abbas Kiarostami"


terça-feira, 19 de junho de 2012

10 Filmes sobre Tempo que se Repete


Uma hipotética viagem no tempo poderia causar um paradoxo: encontraríamos com nós mesmos e eventualmente alteraríamos o rumo dos eventos que possibilitaram nossa viagem e até mesmo nossa existência.
Mas não só de física quântica e lógica vivem os filmes de ficção, alguns criam suas próprias teorias e divertem.
Veja 10 exemplos de filmes sobre o tema:

1.  Feitiço do Tempo (Bill Murray é um arrogante homem do tempo da tv, que é enviado contra a vontade a uma festa tradicional numa cidadezinha, onde a saída ou não de uma marmota de sua toca naquela data significará como será o tempo naquele inverno. ele e a equipe são obrigados a passar a noite lá, mas quando ele acorda, o dia anterior se repete indefinidamente, até que ele aprenda a se relacionar com as pessoas. já clássico de Harold Ramis de 1993, um filme cultuado e imperdível)

2.  Os Cronocrimes (um homem está se mudando com a esposa para uma casa de campo, quando observa uma moça aparentemente sendo atacada na mata próxima. quando investiga descobre que o ataque havia sido feito por um duplo seu, que voltara 1h30 no tempo através de um equipamento num laboratório próximo. ele então tenta voltar para consertar as coisas. confuso, mas engenhoso filme espanhol)

3.  Primer (dois jovens engenheiros constroem uma máquina do tempo num depósito alugado e se preocupam em não encontrar seus duplos enquanto estão no passado para evitar o paradoxo que poderia destruí-los. um filme independente, bem barato, com um roteiro cientificamente engenhoso, mas difícil de seguir)

4.  Triângulo do Medo (uma jovem parte para alto-mar com amigos num veleiro, que é atingido por uma tempestade e encontra um grande navio transatlântico aparentemente vazio à deriva. logo saberemos que não é a primeira vez que eles passam por isso, o que se repete indefinidamente, criando terror e novos duplos a cada encontro. um thriller australiano bem interessante)

5.  Contra o Tempo (Jake Gyllenhaal é um militar que faz parte de um projeto secreto, que o permite assumir o corpo de outro homem num trem que está prestes a sofrer um atentado num passado recente. ele retorna várias vezes ao fato tentando encontrar pistas que ajudem a impedir outro ataque ainda mais mortal. bem dirigido por Duncan Jones - filho de David Bowie - o filme prende a atenção)

6.  O Homem do Futuro (Wagner Moura é um cientista que volta ao dia de sua formatura e tenta evitar que ele mesmo seja humilhado pela garota que amava, alterando seu próprio futuro, criando um paradoxo e novos problemas. boa comédia brasileira)

7.  O Efeito Borboleta (Ashton Kutcher é um rapaz que tem alguns bloqueios de memória da sua infância, mas descobre ter a capacidade de voltar no tempo através desses lapsos de suas lembranças. ele aproveita esse dom para ficar com a garota que gostava, mas ela acaba morrendo e ele volta novamente para salvá-la, só que cada vez que ele retorna, algo sempre dá errado. ótimo filme)

8.  Inferno na Estrada (bom thriller sobre uma mulher que, após seu carro quebrar na estrada, pega carona com um psicopata - Jim Belushi ótimo - e sua namorada e acaba presenciando vários crimes, até conseguir fugir e se abrigar no laboratório de um cientista, que a ajuda a voltar no tempo para tentar salvar as vítimas, mas cada vez que ela volta as coisas ficam ainda piores)

9.  12:01 (um rapaz está interessado em uma colega de trabalho, que é assassinada na sua frente. na mesma noite, à meia-noite e um, durante uma tempestade ele leva um choque elétrico em sua casa e desmaia. na manhã seguinte ele acorda e percebe que na verdade aquele é o dia anterior que se repete. ele tenta, então, impedir o crime. longa feito para TV de 1993, baseado  num curta indicado ao Oscar três anos antes)

10.  Repeaters (três amigos internos de uma clínica de reabilitação de drogas são liberados para ver suas famílias durante o dia. naquela mesma noite, durante uma tempestade, os três sofrem choques elétricos simultaneamente e desmaiam - onde vimos isso antes?. na manhã seguinte percebem que o dia anterior está se repetindo, enquanto dois deles tentam acertar-se com suas famílias, o outro quer aproveitar que não sofre as consequências para cometer crimes. o mais fraco da lista)

Atualização (02/10/2014):

11.  No Limite do Amanhã (num futuro indefinido, Tom Cruise é um oficial, que trabalha no marketing das forças armadas, mas é obrigado a combater aliens no front europeu. logo no desembarque ele atinge uma das criaturas, e o sangue dela se mistura copm o seu, fazendo com que ele passe a renascer toda vez que morre em batalha, até aprender como destruir o inimigo. bom filme de Doug Liman)

Outros filmes: "É Giá Ieri", "Corra Lola Corra", "Natal Todos os Dias", "Ciclo Mortal".

Veja ainda: "10 Filmes sobre Zoológico"

quarta-feira, 13 de junho de 2012

10 Filmes em que a palavra Fuck é mais repetida


Algumas palavras parecem ser mais poderosas que outras.
Graças ao puritanismo (ou hipocrisia) da sociedade americana, a palavra "fuck" é até hoje um grande tabu.
Para se ter uma ideia, apenas em 1967 a palavra foi utilizada em um filme ('Ulysses' e 'Depois que Tudo Terminou' disputam a primazia).
Reza a lenda que a palavra teria surgido como uma abreviação de "Fornicating Under Consent of the King" na idade média, quando populações devastadas pela peste negra, necessitavam autorização do rei para ter filhos, mas não há comprovação.
Hoje "fuck" é usada mais como um ponto de exclamação, de maneira catártica do que com qualquer conotação sexual. 
Ainda hoje na televisão, geralmente vem acompanhada de um sinal sonoro que a encobre.
Alguns sites se deram ao trabalho de contabilizar o número de vezes em que a palavra é empregada nos filmes e, aqui, compartilho com vocês uma lista dos 10 filmes em que a palavra é repetida mais vezes.

1.  F*ck (824 vezes - 8,86 vezes por minuto de filme. interessante documentário de 2005, aqui exibido apenas na tv a cabo, com depoimentos de famosos e anônimos, além de muito material de arquivo. resume bem o tema desta lista)

2.  O Verão de Sam (435 vezes - 3,06 vezes por minuto de filme. ótimo filme de Spike Lee, sobre um serial-killer que apavorou a comunidade ítalo-americana do Bronx em Nova York no verão escaldante de 1977)

3.  Violento e Profano (428 vezes - 3,34 vezes por minuto de filme. único filme dirigido por Gary Oldman, de 1997. retrato poderoso de uma família desagregada, com um alcoólatra - o ótimo Ray Winstone -, que vive em conflito numa pequena casa do subúrbio de Londres com a esposa e o irmão drogado)

4.  Cassino (398 vezes - 2,37 vezes por minuto de filme. o clássico de Martin Scorsese sobre dois mafiosos, amigos de infância, às voltas com o controle do jogo na Las Vegas dos anos 1970 e com a esposa ex-prostituta de um deles)

5.  Alpha Dog (367 vezes - 3,11 vezes por minuto de filme. dirigido por Nick Cassavettes, conta a história real de um traficante de drogas - Emile Hirsch - que foi o mais jovem na lista dos mais procurados do FBI na década de 90)

6.  Twin Town (318 vezes - 3,21 vezes por minuto de filme. produzido por Danny Boyle, segue a linha de 'Trainspotting' ao contar a história de dois irmãos vagabundos, que estão sempre drogados numa cidadezinha de Gales, até que o pai deles sofre um acidente, trabalhando para o ricaço local, que não aceita indenizá-lo e eles resolvem vingá-lo)

7.  No Rastro da Bala (315 vezes - 2,58 vezes por minuto de filme. policial, estrelado por Paul Walker com ritmo alucinante, edição criativa, mas um roteiro cheio de furos. boa parte dos "fuck" estão logo no início)

8.  Perigo para a Sociedade (300 vezes - 3,09 vezes por minuto de filme. ótimo filme de estreia dos irmãos Hughes sobre um jovem que tenta sobreviver ao mundo violento que o cerca e às tentações das drogas e do crime)

9.  Os Bons Companheiros (300 vezes - 2,06 vezes por minuto de filme. Scorsese de volta à lista com uma de suas obras-primas. a história de três amigos que cresceram no meio da máfia ao longo de três décadas, de sua ascensão à queda. um filme essencial)

10.  Narc (297 vezes - 2,82 vezes por minuto de filme. outro ótimo e violento thriller policial, estrelado por Ray Liotta, como um detetive de narcóticos veterano em Detroit, cujo o parceiro foi morto e Jason Patric, jovem policial que o ajuda a investigar um caso intrincado permeado de corrupção)

Atualização em 07/01/2013:

11.  Marcados para Morrer (326 vezes - 3,00 vezes por minuto de filme. mais um bom thriller de 2012, que utiliza rápidas câmeras subjetivas. sobre dois policiais de Los Angeles - Jake Gyllenhaal e Michael Peña - que acabam envolvidos em algo muito mais perigoso do que estão preparados para enfrentar)

Fontes (sim alguém contou): The Documentary Blog (1), Family Media Guide (4, 9 e 10), Screen It! (3, 5, 6 e 7), Preview Online (2 e 8), Kids in Mind (11).

Veja ainda: "10 Filmes em Bordéis"

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails