quinta-feira, 27 de junho de 2013

10 Filmes sobre Desemprego


No mundo capitalista, cada dia mais competitivo, a necessidade de empregos cresce muito mais rápido que a capacidade do mercado gerá-los.
É muito comum as organizações se fundirem em busca de eficiência e, com isso, enxugarem suas estruturas diminuindo os postos de trabalho.
O desemprego é hoje a maior preocupação da economia mundial, com reflexos em todos os países.
Muitos bons filmes já foram feitos sobre o tema, foi difícil escolher apenas 10 para esta lista, por isso destaco a lista de menções honrosas. Estejam à vontade para sugerir outros filmes.

1.  A Virada (Ben Affleck é um executivo bem sucedido e arrogante, que num processo de reorganização de sua empresa acaba demitido e, junto com ele, vários de seus colegas. todos terão que aprender a sobreviver à nova situação. um filme bastante triste e realista sobre o momento em que as empresas têm que se adaptar à nova realidade do mercado e quem sofre são as pessoas, apenas números nessa equação. destaque para Tommy Lee Jones e Chris Cooper) 

2.  O Corte (após 15 anos numa indústria de celulose, um engenheiro é demitido num processo de reestruturação, causado por uma fusão. como é um mercado pequeno, ele trata de eliminar um a um seus principais adversários em eventuais processos de seleção das indústrias do setor. boa comédia de humor negro de Costa-Gavras)

3.  Sonata em Tóquio (a estrutura de uma típica família japonesa começa a desmoronar após o pai perder seu emprego e preferir esconder o ocorrido, por não saber lidar com a situação. reflete os novos tempos do Japão após um longo período de bonança. dirigido por Kiyoshi Kurosawa ganhou vários prêmios, como o de melhor filme e roteiro no Asian Film Awards 2009)

4.  Amor Sem Escalas (George Clooney é um executivo de RH, que viaja os Estados Unidos demitindo pessoas. um trabalho que o torna insensível e sua vida superficial e sem laços, onde o grande objetivo é acumular milhagem. até o dia em que sua empresa resolve implantar um sistema que substitui suas viagens por videoconferências. excelente filme de Jason Reitman, indicado a seis Oscars) 

5.  O Sucesso a Qualquer Preço (em tempos difíceis, o diretor de uma imobiliária de Chicago cria uma promoção em que os corretores competirão por um carro, um jogo de facas ou o olho da rua, conforme seus desempenhos, o que provoca uma luta feroz por seus empregos. adaptado de uma peça de David Mamet e estrelado por nada menos que Jack Lemmon, Al Pacino, Alec Baldwyn e Alan Arkin, entre outros)

6.  À L'Origine (François Cluzet é um vigarista que se aproveita a crise de empregos no interior da França para envolver uma comunidade inteira na construção de uma estrada que leva a lugar nenhum, embolsando o pouco dinheiro da cidade e enrolando todos os envolvidos. o problema é que ele começa a ter... sentimentos. ótima comédia de 2009)

7.  Ladrões de Bicicleta (na empobrecida Itália do pós-guerra, um homem consegue um emprego como colador de cartazes e precisa de sua bicicleta para trabalhar, que está empenhada. para retirá-la, a mulher empenha os lençõis. no seu primeiro dia de trabalho, sua bicicleta é roubada e ele perderá o emprego se não recuperá-la. miséria pouca é bobagem. clássico de Vittorio de Sica, marco do neo-realismo)

8.  Ou Tudo ou Nada (Shetfiled, Inglaterra, é uma cidade em que a indústria do aço fornecia empregos em grande quantidade no passado, mas com o declínio de suas indústrias, hoje abriga uma legião de desempregados. Para sobreviver, seis deles veem uma oportunidade de ganhar dinheiro em shows de striptease masculino, mas como não têm o físico ideal, criam um diferencial: eles irão até o fim, tirando toda a roupa. ótima comédia de Peter Cattaneo, indicada aos Oscars de filme, direção e roteiro e vencedora de trilha sonora)

9.  Roger e Eu (documentario de Michael Moore sobre o declínio de sua cidade natal, Flint,no Michigan, após a GM fechar 11 unidades fabris e demitir 30 mil funcionários. durante o filme ele tenta sem sucesso entrevistar Roger Smith, o presidente da empresa e responsável pela decisão de fechar as fábricas)

10.  Vinhas da Ira (durante a grande depressão de 1932, uma família de agricultores - chefiada por Henry Fonda - é obrigada a deixar os campos em que trabalhavam para buscar empregos na Califórnia, disputando com uma legião de desabrigados as poucas e mal remuneradas vagas disponíveis. baseado no livro de John Steinbeck e dirigido por John Ford em 1940, é um dos grandes clássicos do cinema americano)

Menções honrosas: Um Dia de Fúria, En Familie, Como Enlouquecer seu Chefe, Despachado para a Índia, O Closet, O Segredo do Grão, Jaime, O Salário do Medo, Sweet Sixteen, Pronto para Recomeçar, Nuvens Passageiras, Sindicato de Ladrões, Em Busca da Felicidade, A Luta pela Esperança,...

Veja ainda: "10 Filmes sobre Racismo e Escravidão no Brasil"




segunda-feira, 17 de junho de 2013

10 Filmes sobre Protestos


Protestamos desde que nascemos. Contra o médico que nos tirou do conforto do ventre da mãe e ainda nos deu um tapa, só nos restou chorar bem alto.
É da essência do ser humano, protestar contra o que acha injusto e muitas vezes, muitas vozes coincidem e protestam juntas, como nas centenas de milhares que protestaram contra a corrupção ou a opressão da ditadura, seja aqui, seja em qualquer lugar do mundo.
Esta lista traz alguns exemplos de filmes em que o protesto é parte importante da trama, mas são muitas as referências sobre o tema. edstejam a vontade para lembrar de outros.

1.  Domingo Sangrento (em 30 de janeiro de 1972, um protesto pacífico por direitos humanos na Irlanda do Norte terminou com 13 manifestantes mortos e 14 feridos por soldados britânicos, num incidente que marcou a história da Grã-Bretanha e foi imortalizada pela canção do U2 "Sunday Bloody Sunday". o ótimo filme de Paul Greengrass de 2002 venceu o festival de Berlim e mais dezenas de prêmios e indicações)

2.  Os Miseráveis (a revolução francesa e seus desdobramentos são o pano de fundo do livro de Victor Hugo e da sua versão musical. o auge do filme acontece por volta de 1832, centrado nas revoltas de jovens oriundos dos bairros pobres de Paris. o musical dá tons artificiais aos fatos, mas encanta)

3.  O Encouraçado Potemkin (o clássico de Serguei Eisenstein de 1925, descreve fatos históricos que levaram à revolução soviética. o ponto de partida é a revolta de marinheiros, trabalhando em condições degradantes, que após receberem carne estragada num jantar, decidem levar sua revolta às ruas de Odessa. uma das obras-primas, que definiram os fundamentos do cinema)

4.  Gandhi (cinebiografia do líder indiano Mohandas Karamchand Gandhi - Ben Kingsley - que liderou a luta de independência da Índia do Império Britânico em 1915, através do uso da não-violência, da desobediência civil e de greves gerais. o filme ganhou oito Oscars incluindo filme, direção e ator).

5.  Se... (rodado pouco depois das manifestações de maio de 1968 na França, este ótimo filme de Lindsay Anderson acompanha uma rebelião numa escola pública inglesa contra os hábitos arraigados nessas intituições como o sistema de castas sociais. alguma frases do filme, tornaram-se palavras de ordem dos movimentos da época, como "Which side will you be on?". ganhou a Palma de Ouro em Cannes e  revelou o ator Malcolm McDowell)

6.  O Complexo Baader Meinhoff (a geração alemã de 1967 cresceu sobre as ruínas que seus pais criaram no passado. eles protestavam contra o facismo nas ruas, o que derivou para algumas radicalizações, como o primeiro grupo terrorista de esquerda, adepto de ações violentas de guerrilha urbana, que perdurou pela década de 1970 e influenciou organizações semelhantes em todo o mundo)

7.  Milk (biografia de Harvey Milk - Sean Penn -, o primeiro homossexual assumido a ser eleito para um cargo público nos Estados Unidos e tornou-se símbolo dos movimentos afirmativos de gays, que hoje se converteram em grandes paradas festivas.um filme importante de Gus Van Sant, ganhador dos Oscars de ator e roteiro)

8.  Os Sonhadores (em maio de 1968, um estudante americano vai estudar cinema em Paris em plena ebulição dos movimentos estudantis, durante os quais ele conhece um casal de irmãos, com quem tem uma relação intensa. a visão de Bernardo Bertolucci desse período fértil e estimulante)

9.  No (depois de quinze anos de ditadura, o presidente chileno se vê pressionado pelo mundo a legitimar seu mandato através de um plebiscito. o problema é que inesperadamente, um movimento pela não continuidade começa a ganhar força nas ruas, movendo a população. ótimo filme de Pablo Larrain, indicado ao Oscar de filme estrangeiro em 2013)

10.  V de Vingança (numa Londres futurista, um homem mascarado conhecido apenas como V, mobiliza seus compatriotas a protestarem contra o regime tirânico e opressivo imposto pelo governo inglês. aseado numa graphic novel, o personagem exerce grande influência nos movimentos atuais de jovens, como o grupo hacker Anonymous) 

Outros filmes: 'Hunger', 'Z', 'Depois de Maio', 'Across the Universe', 'Frankenstein', '5 Broken Cameras', 'Tancredo, a Travessia', 'Romero', 'Daniel', 'Michael Collins', 'Hairspray',...


Veja ainda: "10 Filmes sobre Terrorismo"





quinta-feira, 13 de junho de 2013

10 Desenhos Animados Franceses


As escolas de animação dos Estados Unidos e do Japão são muito diferentes da francesa.
Com personagens de cartoon próprios como Asterix, Tintim, Lucky Luke, que sempre fizeram muito sucesso na Europa, os animadores franceses (e belgas) desenvolveram seu próprio estilo.
Os filmes tendem a ser mais sérios e estilosos, muitas vezes dirigidos ao público adulto ou a crianças muito mais maduras que as americanas.
É muito comum ver histórias derivadas de lendas africanas, fruto da forte relação da França com suas ex-colônias do norte da África.
A maioria dos filmes desta lista é de co-produções onde a França é majoritária, os diretores são todos franceses e a dublagem original é em francês. Veja uma lista de 10!

1.  As Aventuras de Azur e Asmar (dois meninos, um loiro e nobre francês e outro moreno de origem árabe são criados pela mesma mulher, ama de leite do primeiro e mãe do segundo. quando os garotos crescem, o mulher é mandada embora. anos depois o rapaz sai numa viagem em busca de sua mãe africana e de muitas aventuras, uma bela fábula, num desenho totalmente 2D, mas com cores deslumbrantes. a Tunísia é retratada com magia e uma beleza poucas vezes vista. a história em si é madura e cativante. lindo!)

2.  O Menino da Floresta (um garoto de dez anos vive numa floresta com seu pai, um bruto caçador, que sempre lhe disse que o mundo acabava nos limites da floresta. quando o pai sofre um acidente, o rapaz se aventura num mundo desconhecido. uma linda animação, com cores impressionistas, mistura de realidade e fantasia, sem que uma se sobreponha a outra. utiliza metáforas para falar de amor entre pais e filhos e também à natureza. destaque para a bela trilha sonora de Simon Leclerc. excepcional!)

3.  As Bicicletas de Belleville (um menino solitário só e feliz em cima de uma bicicleta. percebendo a aptidão do garoto, sua avó decide treiná-lo para ser um campeão e participar da volta da França. indicado aos Oscars de canção e animação, o filme e quase mudo, mas encantador)

4.  Persépolis (baseado na autobiografia da escritora Marjane Satrapi, fala de seu amadurecimento em Teerã, durante o período da revolução islâmica, até ser expatriada e mudar-se para a França aos 22 anos. uma animação em preto e branco, original e relevante, indicada ao Oscar de animação)

5.  Kirikou e a Feiticeira (o garoto Kirikou nasceu numa vila africana já sabendo o que queria da vida, e já nasceu andando e falando. sua mãe lhe conta a história de como uma feiticeira devorou todos os homens da vila, menos um. o garoto então resolve acompanhar o último guerreiro em sua luta contra a feiticeira. uma fascinante lenda africana, que foi proibida para crianças em vários países, incluindo os EUA, porque a mãe do garoto tinha os seios à mostra... clássico de 1998, que teve uma continuação em 2005)

6.  O Mágico (um ilusionista envelhecido vê seu público minguar, indo atrás de novas atrações. sem trabalho, ele viaja para a Escócia, onde conhece uma garota pobre, a quem presenteia com um par de sapatos e ela decide seguir com ele, que agora tem que arrumar dinheiro para sustentar os dois. um filme melancólico e mágico, inspirado no comediante Jacques Tati, ícone do cinema francês. indicado ao Oscar)

7.  A Pequena Loja de Suicídios (em uma Paris que exala depressão e desesperança, uma família vive de vender equipamentos e produtos para facilitar suicídios há várias gerações. mas os negócios se complicam quando o filho caçula, risonho desde bebê, cresce e resolve mudar o ambiente. uma inesperada animação musical, feita para 3D, sobre o suicídio... no mínimo curioso, dirigido pelo premiado Patrice Leconte)

8.  O Gato do Rabino (na Argélia da década de 1920, um rabino vive com sua filha, um papagaio tagarela e um gato, que devora o papagaio e começa a falar sem parar. para não ficar longe de dona, o gato decide se converter ao judaísmo, e passa a compreender melhor os fundamentos da religião. Uma animação no espírito das aventuras de Tintim - que aliás aparece numa ponta -, com fundo fortemente religioso. diferente)

9.  Titeuf, o Filme (derivada de uma série de televisão, trata-se de uma excelente animação sobre a cabeça de crianças na pré-adolescência e as dúvidas absurdas sobre o mundo e os relacionamentos. ótimos diálogos e situações muito divertidas pontuam a trama bastante simples, mas cativante. uma boa novidade)

10.  Os 12 Trabalhos de Astérix (lançado em 1976, é provavelmente o melhor desenho com os personagens de Albert Uderzo e René Goscinny. depois de tentar sem sucesso conquistar a vila de Astérix, César lhes propõe um desafio, se eles tiverem sucesso, o imperador reconhecerá a derrota e se não conseguirem, se tornarão escravos. os gauleses aceitam os doze trabalhos, inspirados na lenda de Hércules. diversão garantida) 

Outros bons filmes: Zarafa, Um Gato em Paris, Émilie Jolie, Asterix o Gaulês, Asterix e Cleopatra, Un Monstre à Paris, Caçadores de Dragões,...


Veja ainda: "10 Filmes de Hayao Myiazaki", "10 Filmes da Pixar", "10 Filmes Clássicos Modernos da Disney (A Era Roy E. Disney)", "10 Filmes de Animação", "10 Filmes de Animação Stop-Motion".





segunda-feira, 10 de junho de 2013

10 Filmes com Vilões Gays


Exceto pelos pequenos filmes de temática homossexual, os gays na ficção tendem a obedecer alguns estereótipos, como "o amigo gay engraçado" para mostrar o quanto os personagens centrais são modernos e liberais ou "a vítima" para mostrar o quanto os malvados são desprezíveis.
Se ainda faltam superherois e gays normais do dia a dia no centro da trama de filmes não-gays, os vilões ao menos dão força e relevância aos personagens.
Já que as novelas da Globo finalmente resolveram dar um papel de vilão a um personagem gay, vamos lembrar algumas "bichas más" do cinema em 10 filmes.

1.  O Talentoso Mr.Ripley (Tom Ripley - Matt Damon - é um charmoso e educado imitador, que manipula todos ao seu redor e se faz passar por um jovem milionário, que ele deveria vigiar, mas acaba se envolvendo e eventualmente assassinando. criado pela escritora Patricia Highsmith, Ripley teria sido criado pela tia, que costumava zombar de seus modos afeminados) 

2.  Festim Diabólico (Brandon Shaw e Phillip Morgan - John Dahl e Farley Granger - são um casal gay que mata um colega de universidade só para provar que podem cometer um crime perfeito. para coroar sua vitória, promovem um jantar em seu apartamento com o corpo da vítima escondido num baú. um dos mais originais e brilhantes filmes de Alfred Hitchcock)

3.  300 (Xerxes - Rodrigo Santoro - o rei dos persas é o vilão da história, retratado como um gigante, de corpo depilado, cheio de piercings e com trejeitos bem suspeitos. o personagem deu a Santoro o prêmio de Melhor Vilão do MTV Awards e será revisitado ainda em 2013 em "300: A Ascensão de um Império")

4.  South Park: Maior, Melhor e Sem Cortes (Satã e Saddam Hussein - vozes dos roteiristas Trey Parker e Matt Stone - são um casal gay, que vive no inferno, para onde vai Kenny, após mais uma brincadeira infeliz dos amigos de South Park. o garoto fica com pena de Satã, pois Saddam só quer saber de sexo, mas acaba descobrindo que se os comediantes canadenses Terrance e Phillip morrerem, o último portão do inferno se abrirá, trazendo o casal de volta à Terra)

5.  Rocky Horror Picture Show (Dr. Frank-n-Furter - Tim Curry - é um cientista louco e travesti, que cria em seu laboratório, um ser humano artificial, o belo Rocky para o seu prazer. seu irresistível poder de sedução convence um casal perdido a passar a noite no castelo. clássico cult de 1975, que até hoje tem seus adoradores)

6.  007 - Operação Skyfall (Raoul Silva - Javier Bardem - é um terrorista cibernético, ex-agente do MI6, que usa o passado de James Bond contra ele. são muitos os vilões com trejeitos da série, como Mr. Wint e Mr. Kidd de 'Diamonds Are Forever' ou Francisco Scaramanga de 'Goldfinger', de todos, Silva é o mais explícito, mas nem assim assume)

7.  A Lei do Desejo (Antonio Benitez - Antonio Banderas - é um belo jovem, obcecado por um diretor de cinema, que consegue ir para a sua cama, experimentando sexo com um homem pela primeira vez. mas o diretor escolhe ficar com seu amante de longa data, Juan. o que deixa o jovem Antonio revoltado e muito perigoso. um dos primeiros e mais ousados filmes de Pedro Almodóvar, que ainda tem Carmen Maura como a irmã do diretor, que se tornou mulher para manter seu caso com o pai deles)

8.  Instinto Selvagem (Catherine Tramell - Sharon Stone - é uma escritora bela, sensual e manipuladora, que se torna a principal suspeita da morte de seu namorado roqueiro. ela usa sua sensualidade para envolver a todos, incluindo o detetive responsável pelo caso - Michael Douglas - e a psiquiatra - Jeanne Tripplehorn -, ex-namorada do detetive. ótimo suspense, dirigido por Paul Verhoeven)

9.  O Silêncio dos Inocentes (Jame Gumb / Buffalo Bill - Ted Levine - é o serial killer de mulheres, perseguido por uma agente do FBI com ajuda de um psiquiatra canibal - Jodie Foster e Anthony Hopkins. ele utiliza as peles das vítimas para fazer uma verdadeira pele de mulher para si...)

10.  Fome de Viver (Miriam Blaylock - Catherine Deneuve - é uma vampira centenária, que se mantém bela graças ao sangue de seus amantes, homens e mulheres, que também não envelhecem até que ela tenha lhes tirado todo o sangue que puder. seu atual amante - David Bowie - está envelhecendo precocemente, por isso ela chama uma médica - Susan Sarandon - para ajudá-lo, mas esta acaba na cama dela, tornando-se mais uma de suas fornecedoras de juventude)


Veja ainda: "10 Filmes Gays Latino-Americanos"




quinta-feira, 6 de junho de 2013

10 Filmes de Penélope Cruz


Penélope Cruz Sánchez nasceu em Madrid em 28 de abril de 1974 filha de um comerciante e uma cabeleireira.
Já muito pequena, costuma reencenar comerciais de televisão para a diversão de sua família, mas decidiu focar suas energias na dança. Estudou balé clássico por 9 anos até ser descoberta, aos 15 pela televisão espanhola, onde começou sua carreira de atriz. 
Aos 18 anos fez seu primeiro filme ('El Laberinto Griego'), que acabou sendo lançado depois de 'Jamón, Jamón' e 'Sedução', de Fernando Trueba, que ganhou um Oscar e a apresentou para o mundo.
Desde que começou a fazer filmes em Hollywood, Penélope já namorou vários astros como Tom Cruise, Matthew McConaughey e Matt Damon, mas hoje está casada com seu compatriota Javier Bardem desde 2010, com quem tem uma filha.
Penélope já ganhou dezenas de prêmios, incluindo um Oscar e sua carreira segue cada vez mais segura, inclusive sendo sondada para ser a próxima bondgirl.
Esta lista traz 10 de seus filmes, mas acredito que o melhor ainda está por vir.

1.  Vicky Cristina Barcelona (duas amigas americanas vão em férias a Barcelona, onde conhecem um artista plástico sedutor - Javier Bardem -, por quem ambas se interessam e aceitam o convite de visitar sua casa em Oviedo. lá se deparam com a temperamental ex-esposa dele - Penélope -, com quem tem um relacionamento explosivo. num dos melhores filmes de Woody Allen, Cruz roubou a cena e levou o Oscar de coadjuvante) 

2.  Volver (uma jovem mãe volta a sua cidade natal para acompanhar o funeral da tia e visitar o túmulo da mãe e acaba descobrindo que sua mãe não havia morrido num incêncio anos antes, mas era escondida pela tia. um filme de Pedro Almodóvar sobre três gerações de mulheres fortes e complicadas. Penélope recebeu uma indicação ao Oscar de melhor atriz e vários prêmios internacionais)

3.  Sedução (um jovem soldado desertor - Jorge Sanz - foge para o interior do país e é acolhido por um anarquista, pai de quatro belas filhas que irão disputar seu amor. Cruz no auge de seus 18 anos chamou a atenção como a filha mais jovem. o filme de 1992 de Fernando Trueba surpreendeu e ganhou o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro) 

4.  Não Se Mova (um médico com sua filha em coma após um acidente, relembra o passado quando teve que optar por sua esposa grávida e deixar a amante, uma camareira de hotel feiosa. Penélope dá um show de interpretação, mesmo falando em italiano e sob forte maquiagem que a torna nada atraente. o filme, o ator/diretor Sergio Castellito e a atriz foram lembrados em várias premiações)

5.  Preso na Escuridão / Abra os Olhos (um herdeiro mimado tem o rosto desfigurado após um acidente de carro provocado por sua namorada numa crise de ciúmes. meses depois, nenhum cirurgião consegue restaurar sua aparência, até que as coisas começam a mudar, seu rosto é reconstruído, mas a fronteira entre a realidade e a fantasia fica muito confusa. ótimo suspense de Alejandro Amenábar, refilmado como "Vanila Sky", com Penélope Cruz como a namorada nas duas versões)

6.  Para Roma, com Amor (no simpático mosaico turístico de Woody Allen sobre Roma, Penélope se destaca como a prostituta enviada como presente de um mafioso, que acaba sendo "extraviada" para um jovem recém-casado, que está na cidade para apresentar sua nova esposa à família. Cruz está engraçada, bela, voluptosa e muito italiana) 

7.  Abraços Partidos (uma aspirante a atriz, e amante de um milionário produtor, consegue o papel principal numa comédia dirigida por um famoso cineasta. mas 14 anos depois, o diretor está cego e a atriz sumiu. aos poucos o filme reconstitui os incidentes que mudaram a vida de todos. um brilhante exercício de metaliguagem de Pedro Almodóvar, mais uma vez estrelado por sua musa Penélope)

8.  Nine (na desastrosa versão musical de 8 e meio de Fellini, Penélope é a amante de um diretor em crise criativa. sua performance muito sexy a destacou dentre as várias estrelas do filme e lhe deu uma indicação ao Oscar de atriz coadjuvante)

9.  Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas (na quarta aventura do pirata Jack Sparrow, Penélope é a grande novidade, adicionando sensualidade até então inexistente na série. ela se aproxima do pirata com a intenção de encontrar a famosa Fonte da Juventude. pode não ser um grande filme, mas com mais de 1 bilhão de dólares, é a maior bilheteria na carreira da atriz)

10.  Jamón, Jamón (uma garota pobre engravida de um jovem empresário, dono de uma fábrica de roupas íntimas, que quer casar com ela, contra a vontade da mãe. a mãe contrata um modelo de cuecas, também funcionário de uma fábrica de presunto jamón - Javier Bardem - para seduzir a garota. mas tudo dá errado. o moço se interessa pela garota, mas a mãe é que se apaixona por ele, formando uma estranha quadrilha amorosa. dirigido por Bigas Luna, foi o primeiro filme de Penélope a estrear nos cinemas, já como atriz principal)

Menções Honrosas: A Garota dos Seus Sonhos, Tudo Sobre Minha Mãe, Bandidas, Brujas, Vanila Sky, O Capitão Corelli, Profissão de Risco, Fanfan la Tulipe, Carne Trêmula, Sahara, Venuto al Mondo, Sabor da Paixão,...


Veja ainda: "10 Filmes Premiados em Cannes 2013"






LinkWithin

Related Posts with Thumbnails